Visibilidade na internet

SERVIÇOS | Edição 203 Investir em um canal no YouTube é uma forma de ampliar a divulgação da filosofia da instituição e, assim, atrair …

SHARE
, / 610 0

SERVIÇOS | Edição 203

Investir em um canal no YouTube é uma forma de ampliar a divulgação da filosofia da instituição e, assim, atrair novos alunos

por Juliana Duarte

Shutterstock

Criação de um canal no YouTube pode contribuir para atrair novos alunos e parceiros


O que é
O YouTube é um site para compartilhamento de vídeos criado em 2005 por Chad Hurley e Steven Chen. Cerca de 20 meses após o lançamento, o endereço foi arrematado pelo Google e hoje é um dos mais acessados da web. A principal facilidade do site é a criação de canais. Todas as instituições podem abrir um após uma inscrição rápida. A ferramenta possibilita o agrupamento de todos os vídeos da instituição. Aqueles que se inscrevem no canal recebem e-mails com avisos de que uma nova postagem está disponível na rede.

Como funciona
Fazer a inscrição é simples: basta acessar o site e incluir os dados necessários. O que demanda mais tempo é a produção de vídeos. A instituição pode contratar empresas especializadas ou aproveitar laboratórios dos cursos de jornalismo ou rádio e TV, se houver. Após captar as imagens, elas seguem para a ilha de edição. É hora de selecionar as partes mais importantes e incluir efeitos sonoros, legendas e vinhetas. Para que o canal seja eficiente e apresente a filosofia da IES, é fundamental que seja controlado por uma equipe com experiência no assunto. As pautas devem ser definidas com antecedência, para que haja periodicidade na postagem.

Por que utilizar
O canal é uma forma de apresentar a filosofia da instituição, divulgar cursos e aumentar sua visibilidade na web. É possível fazer vídeos com depoimentos de profissionais já formados, entrevistar professores e compartilhar eventos e outras ações da IES. Abrir as portas da instituição por meio da internet é uma boa maneira de atrair novos alunos e também parceiros.

Tipos
Há só um tipo de canal no YouTube, mas existe uma infinidade de possibilidades para a criação dos vídeos. As postagens podem ser mais longas, curtas, ganhar animações, entrevistas, áudios ou até mesmo serem editadas em forma de programa de TV, por exemplo. O importante é definir bem a mensagem que se deseja passar.

Quanto custa
A inscrição para criar um canal no YouTube é gratuita. Os gastos ficam restritos à realização dos vídeos. Produzi-los nos laboratórios durante as aulas de comunicação, por exemplo, são uma boa forma de poupar e estimular o contato com situações reais da profissão. Ao mesmo tempo que os alunos aprendem, ajudam a produzir conteúdo para o canal. Também é possível contratar produtoras especializadas, cujos orçamentos são bastante variáveis.

Onde encontrar
www.youtube.com

Produtoras:
Monkey Business
www.monkeybusiness.com.br

Rivello/Menta
www.mentavideos.com

Sambacine
www.sambacine.com.br

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN