Uma análise crítica das avaliações na educação infantil

Fundação Maria Cecília Vidigal publica estudo sobre avaliação na Primeira Infância

SHARE
, / 939 0
© Gustavo Morita
Publicação analisa critérios de avaliação da educação infantil

O reconhecimento da importância da primeira infância tem colocado em evidência a necessidade de avaliar os programas de atendimento a essa etapa, como as creches e pré-escolas. Pensando em orientar os gestores e profissionais da área da educação, da saúde e da assistência social nesse campo incipiente, a Fundação Maria Cecília Vidigal publicou o estudo Diálogos sobre avaliação na Primeira Infância (disponível no site www.fmcsv.org.br). O material foi elaborado com base em pesquisas documentais e observações de 22 especialistas e traz descrições e análises críticas das vantagens e limitações de cinco modelos já implementados em grande escala: o ECERS-R/ITERS-R; Indique Educação Infantil; ASQ-3 (Ages and Stages Questionnaires); EDI (Early Development Instrument); IOC (Indicadores de Oportunidades e Conquistas). O objetivo da publicação é oferecer pontos de vista qualificados sobre as metodologias já criadas e ampliar o debate em torno do assunto.

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN