A realidade de um seleto grupo de alunos

Pesquisa com alunos de instituições mais requisitadas de São Paulo aponta que 69% gostariam de ter mais aulas práticas

SHARE
, / 209 0

O CIEE realizou uma pesquisa com estudantes de dez instituições de ensino superior de São Paulo a fim de conhecer o perfil daqueles que estão cadastrados em sua rede e buscam estágio. Para esse trabalho, foram considerados apenas os alunos das instituições mais requisitadas nos processos seletivos, segundo o próprio CIEE. São elas: Belas Artes, Cásper Líbero, ESPM, FAAP, FEI, FGV, Insper, Mackenzie, PUC-SP e USP.

Questionados sobre o que as IES deveriam fazer para melhorar a inserção profissional dos estudantes, 69% apontaram para a necessidade de ter mais matérias práticas e 41% para a importância de fazer simulações de situações reais em sala de aula. Em terceiro lugar, apareceu a contratação de professores que atuem no mercado de trabalho e não sejam apenas acadêmicos.

Os pesquisadores também perguntaram como eles escolheram o curso e a instituição de ensino. Analisando as respostas para estas perguntas, percebe-se a importância do fator empregabilidade sobre preferências pessoais, custo, localização e outros fatores. A maioria dos alunos entrevistados (40%) disse que buscou escolher uma profissão requisitada pelo mercado de trabalho . Em contrapartida, apenas 5% disseram que a decisão se pautou pela identificação com a área.

Em relação à escolha da IES, o fator mais importante é a “referência no mercado” para 63% deles. A qualidade do ensino (57%) e a presença em rankings das principais IES (37%) também foram aspectos que se destacaram.

O custo-benefício (5%) e a localização (2%) não se mostraram relevantes para essa amostra, formada basicamente por pessoas que moram com os pais (98%), que têm, em média, 22 anos, estão na primeira faculdade (91%) e apresentam renda familiar e pessoal elevada. Em média, a renda pessoal dos alunos da amostra é de R$ 2.092.

realidade de alunos de classe alta

Foto: Shutterstock

Leia também:

Apenas um terço dos alunos de escola pública entra na universidade

Desigualdade no acesso

Artigos relacionados

<

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN