A questão é…

Qual o impacto das manifestações de rua no ensino superior? Guilherme Marback Neto / Unijorge As recentes manifestações coletivas permitem à sociedade brasileira demonstrar …

SHARE
, / 605 0

Qual o impacto das manifestações de rua no ensino superior?

1Guilherme Marback Neto / Unijorge
As recentes manifestações coletivas permitem à sociedade brasileira demonstrar descontentamentos quanto ao papel do governo. Indícios dos novos tempos foram percebidos nesses movimentos: não podia ser identificada uma liderança específica e era clara a força de mobilização através da ocupação de espaços, tanto o virtual como nas ruas. Foram sintomáticas as exigências de respostas do governo quanto aos papéis de provedor e promotor de qualidade de vida. Nessa perspectiva, nós temos o papel, como cooperadores na formação, de disseminar a ética e fomentar o pensamento crítico e socialmente responsável.

2Carolina da Costa / Insper
Colocar o conhecimento advindo da história, política e economia a serviço das dimensões de entendimento é papel das faculdades para que seus indivíduos compreendam as implicações desses movimentos no futuro. É preciso explorar novos conhecimentos que os currículos tradicionais não abarcam e ampliar ferramentais para uma leitura crítica. As faculdades então são chamadas a repensar missão e propósitos, renovando currículo e métodos de ensino, a serviço de objetivos mensuráveis que lhes permitam prestar contas da eficácia do ensino e de sua real contribuição à sociedade.

3Jolmar Luis Hawerroth / Católica Salesiana
O meio universitário deve desenvolver habilidades e competências tanto profissionais quanto humanas. A reflexão que fazemos é que a sociedade está cansada de tantas mazelas. O ensino superior tem como obrigação oferecer subsídios para a formação de um indivíduo ético e comprometido com a transformação social. Portanto, devemos sim apoiar os movimentos de rua. Entretanto, cabe à educação, dada a forte participação dos jovens, principalmente em nível superior, orientá-los para que se manifestem de forma constante, organizada e pacífica. Uma sociedade educada e desenvolvida estará menos sujeita às influências eleitoreiras.

4Adriano Fonseca / Estácio Radial
Esse movimento social se tornou um desafio ao ensino superior para que exerça com competência seu principal objetivo: tornar seus alunos cidadãos reflexivos, capazes de contribuir e transformar o meio social em que vivem. São vários aspectos a serem abordados: reforma política, insatisfação com os serviços públicos, corrupção, qualidade das instituições e estruturas políticas, democracia na era das redes sociais, a nova imprensa informal (ciberpolítica) e por fim, o entendimento sobre os meios interativos como ferramentas de propagação do conhecimento. A reflexão a ser feita trará elementos para a compreensão dessa complexa e instigante sociedade brasileira.

Comentários

comentários

PASSWORD RESET

LOG IN